Publicidade

8º Transcatarina: em uma edição surpreendente, o pito de Corupá Acyr Hideki Rodrigues da Silva conquistou o quarto lugar

8º Transcatarina: em uma edição surpreendente, o pito de Corupá Acyr Hideki Rodrigues da Silva conquistou o quarto lugar

A disputa foi realizada entre os dias 27 a 30 de julho, e contou com um grid de 261 carros que percorrem 834 quilômetros entre Fraiburgo e Itajaí, SC. O piloto Acyr Hideki Rodrigues da Silva superou os desafios e subiu no quarto lugar do pódio do Transcatarina

E lá se foi mais um Transcatarina – que a cada ano, mostra porque é considerado um dos maiores e melhores ralis de regularidade do Brasil. Com participantes distribuídos nas categorias Máster, Graduados, Turismo, Jeep, Passeio e Adventure (s), o evento trouxe muita alegria, amizade e alta competitividade as mais de 800 pessoas que compuseram a caravana desta oitava edição.

De todos os ingredientes característicos do Transcatarina, faltou apenas um: a chuva! Com isso, 2016 apresentou um rali atípico para a maioria dos competidores. Foram 834 quilômetros entre Fraiburgo e Itajaí, que nos trechos cronometrados, tiveram terreno seco e poeira.

Faltou a chuva, mas não faltou emoção. As equipes até puderam estranhar esse novo cenário no Transcatarina… Mas essa foi a única diferença, porque depois da largada, prevaleceram a alta rivalidade em trechos de alto nível técnico, com diversos laços e pegadinhas, e boa variedade de obstáculos naturais.

Foram três dias de disputas, que passaram ainda pelas cidades de Timbó Grande, Canoinhas, Itaiópolis, Rio Negrinho e Araquari. Para deixar as etapas ainda mais incríveis, a organização do evento – a SC Racing – adentrou algumas propriedades particulares, destinadas a plantações de grãos, eucaliptos e mineração, a exemplo da Adami, Temasa, Katzer e Mineração Veiga.

Entre os obstáculos de percurso, destaque para pedras, cascalhos, areia fofa, curvas fechadas, lombas, buracos e poeira (muita poeira). Com muitos laços e balaios, pilotos e navegadores tiveram de manter a concentração em 100% do rali, pois a disputa foi extremamente parelha, definida nos pequenos detalhes.

O piloto de Corupá, Acyr Hideki Rodrigues da Silva, conquistou o quarto lugar da categoria Máster, com 77 pontos – apenas dois pontos atrás dos terceiro colocados, Paulo Roberto de Goes e Jhonatan Ardigo (de Joinville, SC, e Apucarana, PR, respectivamente). O apucaranense compete ao lado do navegador Renan Medeiros, de Blumenau.

Outro representante da cidade foi Idali Bosse, que obteve a sétima posição da Máster. Ele conta com a pilotagem de Eduardo Moser, de Gaspar, SC.

Para os competidores, o Transcatarina surpreendeu e o diretor de prova, Weidner Moreira, guardou o melhor da festa para final, pois elogiou bastante o último dia de prova, que teve um ritmo muito intenso e dinâmico de disputa. Agora, inicia-se mais um período de agonia, pois restam 364 dias de espera para o 9º Transcatarina.