Publicidade

  • A receita que surpreendeu no 1º Concurso de Cucas de Banana de Corupá
  • A receita que surpreendeu no 1º Concurso de Cucas de Banana de Corupá

A receita que surpreendeu no 1º Concurso de Cucas de Banana de Corupá

Casal inovador desenvolveu uma receita de cuca sem glúten e lactose que surpreendeu os jurados e foi a campeã do concurso na categoria empresa

O casal Marlo e Fabiana de Azevedo estão comemorando o primeiro lugar no Concurso de Cucas de Bananas, na categoria empresas, que aconteceu no último sábado, dia 19, na Praça Artur Muller, no centro de Corupá. O concurso fez parte para programação da 6º Semana da Banana promovida pela ASBANCO e Cooper Rio Novo.

A cuca da empresa do casal, Aromen, chamou a atenção dos jurados, pois é feita sem o uso de glúten e lactose, a qual avaliaram a aparência, sabor, riqueza dos produtos, consistência da massa, equilíbrio do recheio e criatividade da receita.

Fabiana lembra que foram muito os testes até chegar a perfeição. “Foram várias cucas que fizemos e muitas pessoa nos ajudara na degustação, mas valeu a pena, pois o resultado é o primeiro lugar no concurso”, comentou. Ela que mantem em segredo a receita e só revela, bem-humorada, o ingrediente principal. “O que posso revelar da receita é que usei a banana mais doce do país, para fazer essa cuca e outras que estarei fazendo”, diz.

A empresa

A Aromen Alimentos é especializada em produzir alimentos sem glúten e lactose como: Bolos de chocolate, milho, banana com uva passas, orelha de gato, biscoitos. E ainda salgados como: pão caseiro, pão para hambúrguer, pão de queijo, pastéis, tortas e empadas.

Além desta variedade de doces e salgados a empresa tem uma opção de alimentos veganos, como: brownie, bolo de milho, tortas de banana e abacaxi, pão caseiro, entre outros.

Fabiana explica que a ideia de fazer os produtos e formar a empresa surgiu após uma necessidade pelos produtos. “Eu passei a consumir os alimentos sem o glúten após estar sofrendo com muitas dores de cabeça e problemas estomacais. Logo que optei por esses alimentos fui percebendo uma melhora, hoje digo que não tenho dor de cabeça e estou de bem com o meu estômago, e sem falar que acabei emagrecendo”, explica.

Não só saudável, mas também com o sabor de alimento caseiro, é um dos diferenciais da empresa. Marlo explica que a opção para comprar os alimentos sem o glúten e lactose é limitado nos supermercados e a industrialização retira o sabor caseiro. “Quando optamos por essa linha de alimentos para nosso consumo em casa, veio a ideia de fazer, porque não fazer para vender, e hoje estamos produzindo e entregado várias opções desses alimentos, e queremos expandir cada vez mais”, explica e complementa. “Os alimentos sem glúten e lactose está sendo uma opção mais saudável ainda mais se a pessoa está praticando exercícios físicos ou queria emagrecer. Esses alimentos só fazem bem para as pessoas, mesmo que a pessoa não tenha intolerância a eles”.

Marlo ainda descreveu que para iniciar o processo industrial da empresa, precisou alugar um local separado da sua casa para dar condições de produzir com qualidade de segurança. “Primeiramente tivemos que nos prepar com o conhecimento para depois iniciar a fabricação, optemos por um local onde equipamos toda a cozinha para prepararmos e assim produzir alimentos de qualidade para o consumidor”, comenta.

O que é o glúten?

É uma proteína presente no trigo, no centeio, na aveia, no malte e na cevada, e se divide em gliadina (principal fração envolvida na Doença Celíaca) e glutenina. Indivíduos que possuem a Doença Celíaca devem ter uma dieta isenta de glúten, pois esta é uma enteropatia crônica e imunomediada que ocorre em indivíduos geneticamente predispostos.

O que é a doença Celíaca?

A Doença Celíaca é uma intolerância permanente ao glúten, e caracteriza-se por uma inflamação crônica na mucosa do intestino delgado. Esta inflamação leva a uma atrofia das vilosidades intestinais, provocando uma diminuição da capacidade de absorção por parte do intestino, originando algumas carências nutricionais.

Lactose e intolerância à lactose

A lactose é o açúcar do leite de vaca, e a intolerância a este açúcar é caracterizado pela falta da enzima lactase para digerir um tipo de alimento, neste caso, o leite e seus derivados, tais como manteiga, requeijão, queijos, etc. e preparações que contenham leite. A pessoa pode nascer com a intolerância à lactose ou desenvolver em algum momento da vida, já adulta.

Tratamentos:

Glúten: Não existem medicamentos ou procedimentos específicos para tratar a doença celíaca. A única maneira de se livrar dos transtornos intestinais e evitar complicações é eliminar todos os produtos com glúten do cardápio. A lista de alimentos que devem ser evitados é extensa. Pão, macarrão, pizza e pastel devem sair do cardápio. Há produtos que possuem glúten e pouca gente sabe. É o caso de molhos prontos, sopas instantâneas, achocolatados em pó e até cerveja.

Lactose: O tratamento é a retirada de todos os produtos à base de leite e seus derivados ou que contenham lactose em sua composição. Algumas pessoas podem ingerir pequenas quantidades dos derivados do leite sem consequências graves ao organismo. Devem-se substituir os alimentos com lactose para aqueles que são isentos desta, tais como bebida de arroz, de aveia, biscoitos, chocolates, pães, bolos, pães de queijo à base de soja, entre outros.

Para mais informações no telefone 9 9111-8336 ou 9 9981-0407

e-mail: aromenalimentos@gmail.com

https://www.facebook.com/aromenalimentos/