Publicidade

Que tiro foi esse ?

Que tiro foi esse ?

Em época de “Que tiro foi esse ? “ o prefeito de Corupá resolveu aderir e decretou ponto facultativo nos dias 12 e 13 de fevereiro, surpreendendo uma população que não tem na folia de Momo um de seus festejos preferidos. O povo trabalhador de Corupá usou as redes sociais para criticar a medida e, com toda a razão, pois está sendo obrigado a buscar alternativas para suprir os serviços públicos que deixarão de ser prestados, como as creches e as escolas, por exemplo. É sempre bom lembrar que a iniciativa privada não é obrigada a aderir ao Ponto Facultativo, e seus empregados são descontados caso faltem para, por exemplo, ficar cuidando de seus filhos.

Que tiro foi esse Sr. Prefeito ?