Publicidade

BOCA LIVRE – 01/02/2019

BOCA LIVRE – 01/02/2019

Preço do sabão continua disparando

Mais pessoas começaram a lavar suas roupas sujas através das redes sociais, provocando a entrada em cena, da Polícia Civil. Em tempo de novos governos é bom o pessoal chegado numa bravata ficar atento pois a promessa é de que agora a coisa não vai ficar barata.

Baixaria toma conta das redes

Tendo a falsa impressão de segurança proporcionada pelas redes sociais, diversos usuários estão abusando e se excedendo na direção um caminho sem volta e expondo a doença moral que tomou conta de boa parte da população. É absurdo você ver postagens ameaçando o presidente de morte, vibrando com a tragédia de Brumadinho que atingiu um município cuja maioria dos eleitores votou no atual presidente da república. Se associarmos a isto diversas notícias falsas e outras que visam espalhar o terror, não nos causará espanto a descoberta da existência de terroristas entre nós. Com a palavra a Polícia Federal.

Vem aí a Nova Corupá

Ao menos é o que se pode deduzir a partir da recente troca de partido praticada pelo prefeito municipal. De acordo com o povo do mal sempre presente, o cálculo é simples. Segundo esse povo que só destila veneno, ele saiu de um partido cujos parlamentares são conhecidos por ajudar muito pouco a cidade, e foi para outro com parlamentares benevolentes com nossa cidade, que permitiram a execução das diversas obras realizadas nos anos anteriores. #sqn Teria trocado seis por meia dúzia ?

Mudança de partido

Diz um passarinho coroado e de vasta plumagem que houve uma reunião entre o prefeito e seu secretariado e afins, onde aconteceu um “convite emocionado” para que acontecesse a migração de todos para o novo partido. Parece que ficou subentendido nas entrelinhas que foi algo mais do que um simples convite.

Cuspir no prato em que comeu

Não pegou bem essa decisão do prefeito, em toda a sua extensão. Segundo um pepista de plantão é imperdoável o prefeito sair dando tiros no único partido que o acolheu e proporcionou a sua eleição. A revolta maior nem é pela saída que, segundo o revoltado, já foi tarde. Em sua análise o problema maior residiu no aceite da filiação, apesar de todos os avisos recebidos.

O preço é alto

A esperança do corupaense é de que o prefeito tenha feito uma boa negociação, viabilizando o desenvolvimento prometido em campanha e aguardado pela população. O famoso “deixe o homem trabalhar” não é ouvido ou lido já faz muito tempo, deixando a nítida certeza de que até a sua “tropa de choque” esmoreceu.

Por falar em tropa de choque

Aves de penas enegrecidas andaram sobrevoando a cidade e deixaram cair alguns “presentinhos” que espero não se confirmem. Segundo estas aves, duas pessoas estariam com a cabeça a prêmio, com seus cargos sendo requisitados pelo novo partido do prefeito. São do sexo feminino e do primeiríssimo escalão. Particularmente espero que não se confirme pois considero a ambas, dois dos poucos acertos do prefeito.

Será que agora vai ?

Diversas vezes prometido, parece que desta vez o vereador licenciado Alceu Moretti(MDB) está realmente deixando Corupá. Primeiras informações dão conta de que ele vai assumir a pasta da saúde em Jaraguá do Sul, mas permanecerá com um pé em nossa cidade. Fontes obscuras da redação informam que o buraco é bem mais embaixo. Segundo dizem o preço da ida é bem mais caro do que parece e terá seu real valor informado muito em breve. Tem gente grande envolvida no negócio; parece que as iniciais são CC e AL.

Moeda de troca

Segundo fofoqueiros de plantão, uma parte do pagamento desta migração para o município vizinho incluiria um breve retorno do edil ao seu posto na Câmara, e não seria para despedidas de seus colegas.

Perguntar não ofende

Espero que o retorno ao trabalho marcado para o dia primeiro de fevereiro não tenha atrapalhado a vinda de alguma apresentação do Femusc para Corupá. Quero crer que alguém tenha entendido que algumas coisas não podem esperar, e negociado com a organização a possibilidade de curtir um pouco do Festival, sem sair de nossa cidade. Negociou ?

Onde está Wally ?

Esta é a pergunta que mais se houve nas rodas de corupaenses. Por onde anda o outrora crítico da gestão passada e que vem mantendo silêncio sepulcral das lambanças atuais ? Por onde anda a pessoa que em tempos idos, quando já aconteciam problemas, tentou justificar seu sumiço numa tentativa de “proteger o partido”?

Agora vai. Será ?

Segundo estimativas tanto do prefeito quanto da secretária de saúde, o tão aguardado ESF da João Tozini, (aquele que já começou e descomeçou algumas vezes), deve ter sua obra iniciada nos próximos dias com previsão de entrega totalmente equipado no início do próximo ano, popularmente chamado de dois mil e vinte.

E a Câmara, heim ?

Alheio às movimentações das pessoas que pretendem alterar a Mesa Diretora, o presidente Lairton Hartmann(MDB) segue imprimindo o ritmo e implantando as propostas prometidas em campanha. Segundo pudemos apurar, o relacionamento entre os dois poderes, (executivo e legislativo), mudou da água para o vinho, permitindo que o corupaense acredite que agora receberá a atenção aguardada. Parece que o PL do Procon já está saindo do forno.

Por falar em MDB

Dizem os plantonistas do Boca Livre que vem um terremoto por aí, ou até um tsunami. Já tem data e local marcados para acontecer a reunião da Comissão de Ética do partido, cuja extensa pauta não deixará pedra sobre pedra.

Plano Diretor, que tiro foi esse ?

Questionado por alguns e desconhecido pela maioria da população, já tem data para a audiência pública, que esperamos tenha lotação máxima da Câmara de Vereadores, para apresentação e votação da versão final desta lei que mudará a forma como hoje vemos a nossa Corupá. Se ligue e participe para não chorar depois.