Publicidade

Publicidade

Foco de mosquito da Dengue é registrado no bairro Ano Bom, em Corupá

Foco de mosquito da Dengue é registrado no bairro Ano Bom, em Corupá

Secretaria de Saúde pede que população não descuide e mantenha recipientes limpos e sem água parada

A Secretaria de Saúde de Corupá informou que foi encontrado novo foco positivo de Dengue no bairro Ano Bom. As larvas do mosquito foram identificadas em uma das armadilhas monitoradas pelas agentes de saúde.

Este é o quarto foco do mosquito confirmado na cidade em 2020. Os demais casos foram registrados nos bairros Bomplandt e Centro. Mais do que nunca, a orientação é evitar recipientes com água parada nas residências.

As agentes de Saúde vistoriam a cada sete dias, 67 armadilhas contra o mosquito da Dengue espalhadas por todos os bairros de Corupá. Outros 20 pontos considerados preocupantes, como cemitérios, borracharias e latoarias, são visitados de 15 em 15 dias. Lembrando que não há nenhum paciente diagnosticado com Dengue neste ano em Corupá. 

O morador também pode denunciar locais onde há a suspeita de água parada. A Vigilância Epidemiológica de Corupá atende nos telefones (47) 3375-2161 e 3375-134.

Dicas:

– Tampe tonéis e caixas d’água;

– Mantenha calhas sempre limpas;

– Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo;

– Mantenha lixeiras tampadas;

– Deixe ralos limpos e com aplicação de tela;

– Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia – no ano passado, em um dos focos registrados em Corupá, as larvas do mosquito foram justamente encontradas em um pratinho de vaso de planta;

– Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais;

– Quem tiver piscina muito tempo parada e com água dentro, atenção extra;

–  Retire a água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa.

– Cubra e realize manutenção periódica de áreas de piscinas e de hidromassagem;

– Limpe ralos e canaletas externas;

– Atenção com bromélia, babosa e outras plantas que podem acumular água – faça um jateamento de água nas folhas destas plantas pelo menos uma vez por semana;

– Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água.

– Quem tiver lagoa em sua propriedade com peixe, não precisa se preocupar. Os peixes costumam comer as larvas dos mosquitos.

Foto Ilustrativa