Publicidade

Publicidade

Coronavírus: uso de máscaras é obrigatório em Corupá após decreto

Coronavírus: uso de máscaras é obrigatório em Corupá após decreto

As determinações entram em vigor hoje, quarta-feira (15), no ato de sua publicação no Diário Oficial  

No mesmo caminho das prefeituras de Jaraguá do Sul e Joinville, com o intuito de tentar conter o avanço do covid-19, o prefeito de Corupá João C. Gottardi publicou o decreto 1912/2020 que passa a ser obrigatório o uso de máscaras pela população do município.

As determinações entram em vigor no ato da publicação, no caso hoje, quarta-feira dia 15 de abril e têm o claro objetivo de evitar a exposição da comunidade ao coronavírus. Conforme o decreto, o uso de máscaras será obrigatório tanto para as pessoas em geral quanto para funcionários de setores da economia já liberados a trabalhar, inclusive do poder público.

Os estabelecimentos comerciais considerados essenciais e aqueles com permissão de atendimento ao público e entrada de pessoas somente deverão permitir o ingresso de quem estiver de máscara. A fiscalização será feita pela Prefeitura através da Vigilância Sanitária, fiscais de postura e autoridades policiais e militares.

O descumprimento do decreto de primeiro momento advertidos, mas a reincidência pode causar ao estabelecimento multa, interdição parcial ou total do estabelecimento ou até cancelamento de autorização para funcionamento do estabelecimento.

Neste primeiro momento, conforme a prefeitura, os munícipes não serão autuados, mas receberão a orientação para utilização das máscaras.

Orientações para o uso de máscaras caseiras pela população em geral

As máscaras devem ter mais de uma camada de tecido e devem ser usadas enquanto as pessoas estiverem fora de casa. Se forem feitas com TNT, devem ter camada tripla. Caso sejam confeccionadas com tecido de algodão, a preferência é que seja algodão 100%. Não é recomendado tocar nas máscaras após a colocação e é preciso seguir as recomendações de desinfecção.

Cuidados na utilização e higienização das máscaras caseiras:

– O uso da máscara caseira é individual, não devendo ser compartilhada entre familiares,

amigos e outros.

– Coloque a máscara com cuidado para cobrir a boca e nariz e amarre com segurança para

minimizar os espaços entre o rosto e a máscara.

– Enquanto estiver utilizando a máscara, evite tocá-la na rua, não fique ajustando a máscara na rua.

– Ao chegar em casa, lave as mãos com água e sabão, secando-as bem, antes de retirar a máscara.

– Remova a máscara pegando pelo laço ou nó da parte traseira, evitando de tocar na parte da frente.

– Lave bem a máscara, deixe secar, passe com ferro e guarde separadamente;

O que diz o decreto:

É obrigatório o uso de máscara a partir do dia 15 de abril:

– para uso de táxi ou transporte compartilhado de passageiro;

– para acesso aos estabelecimentos considerados como essenciais (supermercados, mercados, farmácias, entre outros);

– para acesso aos estabelecimentos comerciais que tiverem as atividades liberadas e retomadas;

– para o desempenho das atividades em repartições públicas e privadas.