Publicidade

Nuvem de gafanhotos está em constante movimento no Paraguai

Nuvem de gafanhotos está em constante movimento no Paraguai

A segunda nuvem de gafanhotos que deixou o Brasil em alerta se movimentou na sexta-feira(17). De acordo com o Serviço de Qualidade e Sanidade Vegetal (Senave), os insetos seguiram para o sudeste do Paraguai, e as equipes técnicas permanecem na área e indicam que os insetos continuam em constante movimento. “Esse monitoramento permanente é realizado para localizá-los e poder aplicar os controles fitossanitários correspondentes”, diz.

Argentina

As equipes do Serviço Nacional de Segurança e Qualidade Alimentar (Senasa) realizaram tratamento fitossanitário para diminuir a densidade populacional da nuvem de gafanhotos, localizada na província de Corrientes.

A entidade está acompanhando de perto o deslocamento dos insetos e alerta que o Serviço Meteorológico Nacional (SMN) prevê o aumento das temperaturas e ventos soprando de norte nos próximos dias. “Com isso, é provável que a nuvem decole novamente e se mova para o sul.

Brasil continua em alerta

As últimas atualizações confirmam que a nuvem de gafanhotos continua se deslocando lentamente em território argentino, sem previsão, até o presente momento, de alterações climáticas que favoreçam o seu direcionamento rumo ao Brasil.

A equipe técnica do Mapa em Brasília se mantém em alerta juntamente com as Superintendências Federais de Agricultura (SFAs) e os Órgãos Estaduais de Defesa Agropecuária nos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e em permanente contato com o Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar da Argentina (Senasa) para o monitoramento do deslocamento da nuvem de gafanhotos e a preparação de medidas de controle de forma tempestiva, se for necessário

Por JDC, com informações do Canal Rural – Foto: Juliano Ritter